Suspeita de lavagem de dinheiro fecha casas de câmbio em Portugal

Governo português fechou duas maiores redes de casas de câmbio que remetem dinheiro de imigrantes brasileiros. Cinco pessoas foram presas.


O governo português fechou duas casas de câmbio que enviavam dinheiro de brasileiros para o Brasil. São as duas maiores redes de casas de câmbio que remetem dinheiro de imigrantes brasileiros. Nesta quarta-feira (22) todas as lojas em Portugal foram fechadas.

O comunicado do Banco Central Português diz que a Money One e a Transfex, de empresários brasileiros, são suspeitas de branqueamento de capitais, ou seja, lavagem de dinheiro e do financiamento ao terrorismo. Cinco pessoas foram presas, mas os nomes não foram divulgados.

Apesar do documento oficial ter a informação de que a investigação é também sobre financiamento ao terrorismo internacional e isso ter sido noticiado por toda imprensa, o Banco Central português depois fez uma retificação dizendo que a apuração é lavagem de dinheiro e financiamento ao tráfico internacional de drogas e não ao terrorismo internacional.