Presa quadrilha especializada em fraudes contra seguradoras em SC

Ladrões de carro no Rio de Janeiro desmontavam e vendiam peças em SC. Estimativa é de prejuízo mensal de R$ 1 milhão às seguradoras, diz polícia.


A Polícia Civil de Santa Catarina realizou na manhã de segunda-feira (25) uma operação para desarticular uma quadrilha especializada em fraudes contra seguradoras e adulteração de veículos. O esquema funcionava com integrantes em Santa Catarina, Paraná e Rio de Janeiro, onde os carros eram roubados, diz a polícia.

Na ação, denominada “Copacabana – Sul”, foram cumpridos 16 mandados de prisão e 18 de busca e apreensão. Uma pessoa foi presa no Paraná e outra, no Rio. A estimativa é que a organização criminosa tenha causado prejuízo de cerca de R$ 1 milhão por mês às seguradoras.

As investigações duraram quatro meses, período em que foi monitorada a vinda de dezenas de carros da capital fluminense para o Oeste de Santa Catarina. Os carros, que haviam sido furtados ou roubados no Rio, eram vendidos para proprietários de auto-peças catarinenses.  Assim que desmontados, as peças eram revendidas no mercado formal.

Durante a operação, agentes interceptaram um caminhão que transportava dois veículos que estavam chegando do Rio na cidade catarinense de São Miguel do Oeste. O motorista foi preso e confirmou que os carros eram objeto da quadrilha e seriam entregues para receptadores. Os veículos foram apreendidos e o dono da loja de auto-peças que receberia a mercadoria também foi preso.

Diversos documentos sobre a atuação da quadrilha foram encontrados nas lojas de auto-peças pela polícia e a investigação continua com o objetivo de prender mais envolvidos na fraude.