Polícia prende 15 em operação contra milícia no Rio

8 são PMs


Quinze pessoas, entre elas oito policiais militares, foram presas nesta quinta-feira durante operação de combate à milícia promovida pela polícia do Rio. A intenção era cumprir 40 mandados de prisão, sendo 13 contra PMs.

O grupo é investigado por praticar roubos, homicídios e extorsões no complexo de Água Santa, região da zona norte do Rio.

Dos 15 presos, 13 figuravam entre os alvos dos mandados de prisão e dois foram presos em flagrante com armas. Segundo a Polícia Civil, eles também integravam a milícia.

Por enquanto, todos foram indiciados por suspeita de formação de quadrilha. A ordem de prisão foi expedida pela 35ª Vara Criminal do Rio.

Também foram apreendidas muitas armas, praticamente todas de uso restrito, como fuzis, metralhadoras e granadas.

A operação foi comandada pela Draco-IE (Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais) e reuniu 150 policiais civis, além de policiais militares, que foram divididos em 45 equipes.