PF cumpre mandados de busca em investigação da Lava Jato em Belém e Ananindeua

Força-tarefa do MPF investiga esquema de recebimento de propina por parte de funcionários públicos em troca do afrouxamento na fiscalização de hospitais.


A Polícia Federal (PF) cumpriu três mandados de busca e apreensão nesta terça-feira (12) na região metropolitana de Belém. A medida fez parte da Operação Esportula, que investiga um esquema de corrupção na área da saúde nas cidades de Belém e Ananindeua. As investigações do caso foram iniciadas pela força-tarefa do Ministério Público Federal (MPF) para a operação Lava Jato no Rio de Janeiro e seguem sendo realizadas pela equipe do MPF no Pará.

De acordo com a PF, a operação investiga funcionários públicos suspeitos de terem recebido propina em troca do afrouxamento na fiscalização de hospitais. Foram apreendidas provas e bens em endereços ligados aos suspeitos. Os mandados foram expedidos pela Justiça Federal em acatamento a pedido do Ministério Público Federal (MPF).

Ainda de acordo com a PF, as investigações apontam que, além de cobrarem propina para deixarem de fiscalizar a execução de contratos em hospitais, os servidores também exigiam pagamentos para praticar ilegalidades em oportunidades específicas. Essas ilegalidades geravam vantagens para a organização social em edital e não criavam obstáculos à aprovação de contas da entidade.

Fonte: G1