Justiça francesa confirma fiança de 1,1 bilhão de euros contra UBS

AFP - Agence France-Presse


A justiça francesa confirmou nesta segunda-feira a fiança de 1,1 bilhão de euros imposta ao banco suíço UBS, acusado na França de lavagem de dinheiro com o agravante de fraude fiscal, disse uma fonte da justiça à AFP.

O banco recorreu à corte de apelação de Paris sobre a decisão da fiança, que segundo a ordem judicial deve ser paga até o dia 30 de setembro. A corte agora confirmou essa primeira ordem, segundo uma fonte judicial.

Procurados pela AFP, os advogados e a direção do UBS não se pronunciaram. O banco ainda pode recorrer da decisão.

Suspeita-se que o UBS tenha captado clientes ricos na França para que abrissem contas não declaradas na Suíça.

Em junho de 2013, o banco foi culpado por captação ilícita de clientes e sua filial francesa por cumplicidade.

No final de julho, os juízes de instrução franceses também culparam o UBS por lavagem de dinheiro com agravante de fraude fiscal, durante o período 2004-2012.

A fiança aumentou então, de 2,8 milhões de euros para 1,1 bilhão de euros, quantia que a instituição deverá pagar até o dia 30 de setembro.