Ex-dono do Birmingham City perde recurso contra a sua prisão em Hong Kong

O antigo proprietário do Birmingham City está a cumprir uma pena de prisão de seis anos, após ter sido culpado de lavagem de dinheiro - cerca de 80 milhões de euros.


Carson Yeung, antigo dono do clube inglês Birmingham City e que foi condenado no ano passado por lavagem de dinheiro, perdeu o recurso interposto num tribunal de Hong Kong contra a pena de prisão que lhe foi aplicada.

Carson Yeung está a cumprir uma pena de seis anos de prisão na antiga colónia britânica, depois de no ano passado ter sido declarado culpado de lavagem de dinheiro, no valor de mais de 700 milhões de dólares de Hong Kong (79,4 milhões de euros), entre 2001 e 2007.

O recurso tinha sido apresentado em março do ano passado. O antigo cabeleireiro que se tornou milionário alegava que não tinha tido um julgamento justo porque as acusações de que foi alvo eram demasiado vagas, informa a Rádio e Televisão Pública de Hong Kong (RTHK).

O Tribunal de Recurso decidiu que apesar da origem de algum dinheiro ser desconhecida, o juiz esteve bem ao concluir haver motivos razoáveis para acreditar que o mesmo era proveniente de atividades ilícitas.

Carson Yeung foi detido a 07 de março do ano passado depois de um longo julgamento em que não conseguiu explicar, na ótica da justiça, a origem de fundos que passaram por cinco contas a si associadas num montante global de 720 milhões de dólares de Hong Kong (81,7 milhões de euros).